Do dia de ontem [7 de Novembro]

Ontem foi o dia, em que cheguei à brilhante e triste conclusão que tenho mesmo de começar a tratar de mim, e a começar pelas unhas e mãos.
Como ontem não foi dia de actividades [yeah], e não andei feita louca de um lado para o outro, mal cheguei a casa [depois de fazer outras coisas, como estender a roupinha que estava na máquina e por outra máquina a lavar, e apanhar roupa do estendal, e dar um jeitinho aos quartos], lá fui eu munida do meu cesto de manicure para cima da cama [sim, o quarto é o meu lugar preferido da casa], e enquanto o pc ligava para ir vendo qualquer coisa [pois só em multitasking consigo ver tantas séries] dediquei-me a limpar as unhinhas, a hidratar muito bem as mãozinhas, e a envernizar as unhinhas [já estou com tanta falta de experiência que depois de pintar tive de remover tudo outra vez e recomeçar do zero... basta uma ficar "arranhada que é impossível tentar remover o verniz só de uma].
E como [agora] tenho a mania [ainda mais] de tirar foto a tudo...

A minha forma eficiente de remover verniz. Sai e não massacro o esmalte

As vergonhosas, mas já hidratadas

Pintadas, mas mal :)
Verniz usado - samba da Risqué

Mensagens populares deste blogue

Filmes: My All American

[entre parênteses]

Uma Música por dia - Marcy Playground, Sex And Candy