sexta-feira, 20 de janeiro de 2017

[entre parênteses}

Há algum tempo atrás expus orgulhosamente a minha orquídea, presente do mister.

Linda. Maravilhosa. Viçosa. Florida.

Sucede que... se foi.
Com muita pena minha.

E o que resta da planta é só um pau espetado num vaso. [que vai ficar aqui pois ainda tenho esperança que renasça].

Das flores, guardei uma, dentro do meu caderno, para não me esquecer, Também, a seu modo, gira.