Mensagens

A mostrar mensagens de 2018

Livro 41/2018 -

Imagem
Conto da Ilha Desconhecida é um livro do escritor português José Saramago, lançado em 1997. É uma história na qual, em poucas páginas, o autor descreve metaforicamente o mundo, referindo também aspectos do ser humano, suas ambições e, em especial, as suas frustrações. Através desse texto o autor realiza também uma critica à burocracia, logo no inicio de seu texto. A obra retoma um mote caro a Fernando Pessoa: "Para viajar, basta existir". É quando o sonho e a imaginação tornam a aventura possível e a ficção é capaz de levar o homem daqui para ali, saindo ele do lugar ou não. Trata-se de um homem que, depois de insistir muito, consegue do rei uma embarcação para procurar uma ilha que, segundo ele, ainda não tinha sido descoberta por viajantes e geógrafos. "O homem nem sonha que, não tendo ainda sequer começado a recrutar os tripulantes, já leva atrás de si a futura encarregada das baldeações e outros asseios, também é deste modo que o destino costuma comportar-se connosco, …

Blá blá blá

Imagem

[entre parênteses]

20 dias depois de ter recomeçado o exercício físico devo dizer que na 1.ª semana emagreci um quilo e já o voltei a engordar.
Mas apesar de tudo não estou desmotivada.
Sigo forte!

Neste momento são 104 Abdominais + 68 flexões + 370 saltos
O meu corpo ainda não aguenta mais e já isto me custa horrores diariamente!


Blá blá blá

Imagem

Blá blá blá

Imagem

Filme 101/2018 - Fantastic Beasts and where to find them

Imagem
Do Universo Harry Potter :)
E a ver pela 3.ª vez para relembrar para p 2.º

Aquário

Imagem

Blá blá blá

Imagem

[entre parênteses]

Imagem
E não me acredito que até ao dia 16 de Novembro já li 39 livros... e já vou iniciar o 40.º livro....

8932 páginas

YES


Livro 40/2018 - Escondida, P. C. Cast

Imagem
E voilá, vou de volta para a minha série de vampiros e vampirices :)
O 10.º livro da série!



Blá blá blá

Imagem

Uma música por dia...

Imagem

Blá blá blá

Imagem

[ente parênteses]

Imagem
Ainda não desisti. Não sei bem como. Todos os dias é uma luta comigo mesma para não desmotivar e para seguir em frente. Cada vez me doí mais tudo. Se ontem me doíam as orelhas, hoje até as pálpebras me doíam (claro que isso era mas é sono!).



Blá blá blá

Imagem

[entre parênteses]

Imagem
Ora bem...
... eu e as minhas desventuras com o exercício físico!

Não sei dizer há quanto tempo (semanas) comecei, o que sei dizer é que seguramente desde o dia 1 de Novembro que ainda não parei e tenho levado isto mais a sério.
Desde Setembro que andava a fazer exercício, mas com 1 ou 2 dias de descanso. Não pode ser. Tenho de repetir o plano que fiz há 6 anos.

Todos os dias. Com foco!


Aquário

Imagem

Blá blá blá

Imagem

Livro 39/2018 - O Signo dos Quatro, Sir Arthur Conan Doyle

Imagem
Em 'O signo dos quatro', a história desenrola-se em 1888, na Inglaterra da rainha Vitória. A Índia dos marajás, o forte de Agra cercado pela rebelião dos sipaios e a prisão para forçados das ilhas Andamã são o cenário da aventura em que o detetive Sherlock Holmes se envolve, e que termina numa perseguição fluvial alucinante no Rio Tâmisa, em Londres.

Uma música por dia...

Imagem

Blá blá blá

Imagem

Filme 100/2018 - Bohemian Rhapsody

Imagem
O que dizer sobre este filme?
ADOREI mesmo mesmo muito
E vou ver certamente mais vezes


Filme 99/2018 - Game Night

Imagem

Filme 98/2018 - Stonewall

Imagem
ADOREI


Só porque sim: Depois da Leitura

Imagem

Blá blá blá

Imagem

Só porque sim - Depois da Leitura

Imagem

[entre parênteses]

Dos dias que custam a passar.
Das semanas que teimam em não terminar.
Estourada.
Quero poder chegar a casa e atirar-me para cima da cama e poder dormir das 20h00 até às 12h00.
Não posso :(

Uma Música por dia

Imagem
São os melhores de sempre!

Blá blá blá

Imagem

Blá blá blá

Imagem

Livro 38/2018 - As MUlheres do Nazismo, Wendy Lower

Imagem
Consultora do Museu do Holocausto, a norte-americana Wendy Lower mostra, em 'As mulheres do nazismo', como uma geração de jovens alemãs - enfermeiras, professoras, secretárias, entre outras - anestesiadas pela propaganda hitlerista e movidas por um fervor nacionalista doentio enxergaram o nazismo como uma opção profissional ou quase matrimonial e colaboraram com o regime, sem vislumbrar os horrores que viriam depois. No livro, que foi finalista do National Book Award e ganhou destaque na imprensa internacional, Lower tenta decifrar o que levou tantas mulheres a se transformar em assassinas durante a Segunda Guerra Mundial, revelando uma faceta pouco conhecida do conflito.

12 Filmes VII

Imagem
Realmente eu vejo muitos filmes...


Uma Música por dia...

Imagem

Blá blá blá

Imagem

[entre parênteses]

Imagem
Finalmente fartei-me de olhar ao espelho e não gostar do que vejo. Afinal o meu problema é "facilmente" resolvido, uma vez que o que eu não gosto em mim, o que me faz sentir mal, são os muitos kilos a mais.
Neste momento estou focada. Já consegui uma vez, vou conseguir novamente. 15 dias depois (ando sempre a começar a terminar a começar a terminar), como é obvio ainda não se nota nem sequer uma descida no ponteiro da balança. Mas não faz mal! Pelo menos já me custa ligeiramente menos que no primeiro dia. E acredito que vá lá!

Filme 97/2018 - The Danish Girl

Imagem

Filme 96/2018 - Se Deus vier que venha armado

Imagem

[entre parênteses]

Imagem
Quando:
a) não queres saber;
b) não demonstras interesse;
c) não atendes;
d) não respondes;
e) não tomas iniciativa;
f) não sabes nem fazes questão de saber de nada há mais de meio ano...

... pergunto-me: o que foi que ainda não percebeu?

Foi ponto final. De vez. Definitivamente.


Uma Música por dia...

Imagem

Livro 37/2018 - A casa das Belas Adormecidas, Yasunari Kawabata

Imagem
Abandonadas em camas, jovens mulheres nuas, intocadas e intocáveis, dormem profundamente sob o efeito de poderosos narcóticos deixando, sem o saber, que o seu corpo seja contemplado por homens idosos em busca de uma pobre consolação para a perda de juventude. Eguchi, de 67 anos, tem perfeita noção da proximidade da decadência física, e as noites passadas nesta casa do desejo levam-no a recordar a relação com as diferentes mulheres da sua vida, num entrelaçar de memórias e fantasias eróticas que culminam com a revelação da sua essência inumana.
A Casa das Belas Adormecidas, obra-prima profundamente perturbadora, que encerra um universo erótico fascinante e assustador, inspirou outros autores a escrever sobre os afectos e a sexualidade na terceira idade, nomeadamente Gabriel García Márquez no seu Memória das Minhas Putas Tristes.

Blá blá blá

Imagem

Só porque sim - Depois da leitura

Imagem
Denis Avey alistou-se no exército porque ansiava aventura. E conseguiu-a. Teve muita sorte até ter sido feito prisioneiro e após um longo e duro percurso acabaria por se encontrar num campo de prisioneiros de guerra próximo de Auschwitz III - Monowitz.  Aí, conheceria a luta pela sobrevivência dos judeus que, tão perto, trabalhavam para resistir por mais um dia ao extermínio iminente. E, sentindo a necessidade de testemunhar, por duas vezes Avey ocupou o lugar de um outro homem e entrou a Auschwitz, movido pelo impulso de saber. De poder contar a história de tantas vidas, caso ele próprio sobrevivesse. Denis não viveu em primeira mão a devastadora experiência dos prisioneiros de Auschwitz, mas conheceu-a de perto. E isso bastou para deixar marcas que transparecem nesta história, mesmo que contada apenas depois de muitas décadas a viver com o trauma.
Distinguem-se três partes muito distintas neste livro e é, principalmente, o tom que as define. A experiência no exército reflecte, em certa …

Era uma vez....

... um convite para um café, um chá, um treino, uma ida ao cinema, um jantar, um lanche, ver uma série, andar de mota :)
Tudo isto.
27 anos depois.
Agora?
Não sei!

Blá blá blá

Imagem

Uma música por dia...

Imagem
A propósito da estreia do filme sobre os Queen e o Magnifico Freddie Mercury, uma das minhas músicas de eleição de sempre.
ADORO


Era uma vez...

... quando te arrancam sorrisos e gargalhadas em conversas pela noite fora!
Pode ser tudo pode ser nada. Neste momento sabe bem.

Era uma vez...

Imagem
... em setembro de 1991. ... 27 anos depois.

Blá blá blá

Imagem

[entre parênteses]

Imagem
Sábado foi dia de amigas.
Dia de jantar fora (Abadia)
Dia de ir ao teatro ("Mais respeito que sou tua mãe", de e com Joaquim Monchique)
Dia de sair à noite (Mary Spot Vintage Bar)

As amigas? As de sempre :)
Há coisas que não mudam, independentemente da idade e de quanto tempo passa.

Foi uma noite de rir e rir e rir


Blá blá blá

Imagem

Blá blá blá

Imagem

[entre parênteses]

Imagem
[apesar de eu não ter feito] hoje é dia de greve geral da Função Pública.


A greve é um direito consagrado na Constituição da República Portuguesa abrangendo, por isso, todos os trabalhadores, independentemente do vínculo laboral que detenham e do facto de serem ou não sindicalizados.
Seja sindicalizado ou não, o trabalhador não tem qualquer obrigação de informar da sua intenção de aderir a uma greve, mesmo se questionado pelo empregador. Depois da greve, não tem de apresentar qualquer justificação pela sua ausência.

[entre parênteses]

Imagem
Quando não sabes a quantas andas na semana.
E já na semana passada foi igual.
Cabecinha de ar e vento!


Livro 36/2018 - A última testemunha de Auschwitz - Denis Avey

Imagem
A Última Testemunha de Auschwitz é a história verdadeira e impressionante de um soldado britânico que entrou de livre vontade em Buna-Monowitz, o campo de concentração conhecido com Auschwitz III, para testemunhar na própria pele os horrores sofridos pelos judeus.
Denis Avey era prisioneiro do campo de trabalho E715, próximo de Auschwitz III. Muito se ouvia falar da brutalidade aplicada aos prisioneiros judeus, mas Denis queria certificar-se de que os boatos eram de facto verdadeiros. Decidiu ir pessoalmente testemunhar tudo o que lhe fosse possível, colocando em risco a sua própria vida. Durante décadas, não conseguiu revisitar o passado, mas agora Denis Avey foi finalmente capaz de contar toda a história, oferecendo-nos uma visão única do íntimo de um homem cuja coragem é quase inacreditável.

Livro 35/2018 - Páginas Soltas, Scott Nicholson

Imagem
O crime não compensa…nem o jornalismo. Quando John Moretz aceita o trabalho como repórter na cidade de Sycamore Shade, ao redor dos montes Apalaches, uma onde de crimes irrompe, aumentando a circulação do jornal e deixando as pessoas inquietas. Então uma vítima de assassinato é descoberta, e Moretz é o primeiro a chegar na cena do crime. Com mais corpos surgindo, Moretz fica sob suspeição da polícia, mas as vendas do jornal estão explodindo devido às suas coberturas sensacionais dos crimes. Seu editor fica entre despedir seu cão farejador de notícias ou lucrar com a atenção, além de viver um romance com uma repórter da cidade grande designada a cobrir o possível assassino serial. E Moretz parece estar sempre um passo à frente dos outros repórteres, da polícia, e até mesmo do próprio assassino

Filme 95/2018 - The Last Witch Hunter

Imagem

Livro 34/2018 - Cenas de Nova York e outras viagens, de Jack Kerouak

Imagem
Este livro traz relatos de viagens que o autor fez de comboio, mar e auto-estradas. Entre os lugares visitados estão Marrocos (onde Kerouac encontra-se com o também escritor William Burroughs), França, México e várias facetas dos Estados Unidos.

Livro 33/2018 - Primeiro Amor, de Samuel Beckett

Imagem
O monólogo desta 'história de amor' desdobra-se em um espírito patético, porém com muitos toques de humor. Como ocorre frequentemente com Beckett, a fábula se restringe a uma estrita e implacável banalidade, porém o inusitado do olhar do herói é capaz de deixar qualquer leitor estupefacto.


Só porque sim

Imagem

Filme 94/2018 - Bring It on Again

Imagem
... da série "o que eu vejo com a minha filha"

Livro 32/2018 - Contos do Nascer da Terra, Mia Couto

Imagem
A Maior parte das histórias que compõem Contos do nascer da Terra foi publicada originalmente em jornais e revistas em 1996, e depois adaptada pelo escritor para este livro, que traz ainda um punhado de contos inéditos. AO todo são 35 histórias breves que se baseiam no quotidiano quase mágico de Moçambique e exploram a sonora linguagem do português africano, revelando na escrita a identidade de um povo e o domínio muito próprio da cultura e da criatividade literária.

Blá blá blá

Imagem

Blá blá blá

Imagem

Filme 93/2018 - Downsizing

Imagem
Estava à espera de outro tipo de filme. Não gostei muito!


[entre parênteses]

Imagem
Lamento, mas tenho valores.
Lamento, mas tenho princípios.
Lamento, mas a minha integridade não se compra.

Já perdi muito.
Mas tenho apenas uma cara.
E tenho uma filha para a qual sou "role model" e para a qual tenho de dar bons exemplos.



Filme 92/2018 - Suffragette

Imagem
Mais um filme brilhante.




Blá blá blá

Imagem

Blá blá blá

Imagem
Tão eu...


Por esse mundo fora

Imagem
Alguém se imagina a fazer isto numa fila de metro?


Uma música por dia...

Imagem
Férias (há muitos anos atrás) em Mil Fontes. O que eu cantei e dancei isto no meio da rua ...


[entre parênteses]

Imagem
Ainda não começou a escola.
Vamos apenas a meio da segunda semana de treinos.
E eu já estou cansada e a pensar quando chegam as férias de Natal.


Blá blá blá

Imagem

[entre parênteses]

Imagem
A recapitular:

No início das férias comprei um tablet com o único intuito de ler. Parti-o no segundo dia;

O meu pc, já teve melhores dias. De vez em quando pira da cabeça, e ainda na semana passada tive de fazer um reboot e voltar a instalar tudo e mais alguma coisa. Já para não falar que o carregador para cumprir a sua função é necessário andar a rodá-lo e a dobrá-lo e mesmo assim de vez em quando lá vai o raio do pc abaixo;

O disco externo de 1 tera caiu ao chão e pifou. Disco que continha todo o backup de fotos. Que já não tenho em mais lado nenhum!

Isto está a correr bem está.


Blá blá blá

Imagem